prova ilicita almedina

Autor: Carlos Castelo Branco

Editora: Almedina

Ano: Junho de 2018

Sinopse:

Há Justiça com provas ilicitamente obtidas? 

A afirmação sublinha o triunfo da Verdade, independente dos meios. a negação, assente na Lealdade e no processo equitativo, proscreve meios de prova desleais. 

Como salienta António Henriques Gaspar no prefácio: 
"(…) o sentido de utilidade e a finalidade da prova não podem significar a aceitação de todos os meios e de todas as provas (…). Hoje, no tempo dos relativismos, na pressão das descontinuidades axiológicas e da prevalência de soluções utilitaristas de eficácia imediata e simples, acompanhadas da sedução fácil da intensidade dos meios, do desdém pelos segredos socialmente relevantes e dos pragmatismos avulsos com fragilidade ou ausência de critérios, podemos pressentir um ambiente disposto a afrouxar os limites, envolvido no manto admirado da realização, apenas por aí, da suposta verdadeira justiça".

É na busca de solução práctica para os problemas que a prova ilícita convoca, que se efectua a presente reflexão.

Saiba mais sobre o livro e adquira com desconto e oferta de portes aqui:

quero saber mais

 

PUB

NEWSLETTER JURÍDICA HPJ - Receba os nossos destaques!

OUTROS LIVROS - C/ DESCONTO %